Entenda O Que É  Fotofobia

Entenda O Que É Fotofobia

Muitas pessoas reclamam da claridade ou da chamada fotofobia. Apesar do nome “fobia”, não é necessariamente um medo de luz, mas sim um grande desconforto que afeta as pessoas em diferentes situações de luminosidade.

Como a fotofobia se manifesta?

A fotofobia se manifesta quando a pessoa sente que a claridade da luz é muito forte e se sente incomodada. Porém, a intensidade de luz necessária para incomodar é variável, pois tal sensibilidade é muito individual. Há pessoas que sofrem com a luz mesmo em ambientes não muito claros ou durante um dia nublado. Mas de forma geral, enquanto um pequeno incômodo com a luz é normal em qualquer pessoa, as pessoas com fotofobia sentem esse incômodo constante e de forma crônica.

Doenças relacionadas

Trata-se de um sintoma que não necessariamente está vinculada a uma doença. Muitos possuem naturalmente uma maior sensibilidade à luz. No entanto, uma doença que está intimamente associada a fotofobia é a enxaqueca. Miopia, astigmatismo, hipermetropia e olho seco – quando não tratados – também podem causá-la. Além disso, tumores cerebrais, meningites e AVCs também podem causar a fotofobia, além de doenças como ansiedade e depressão.

Diagnóstico

O diagnóstico correto com seu oftalmologista é importante para o melhor tratamento. Se você tem olho seco, por exemplo, pode usar colírios ou lágrimas artificiais. Quando a causa é a enxaqueca, medicamentos específicos para a enxaqueca bem como o repouso em ambientes escuros são de grande ajuda.

Existe também a possibilidade de tratar a fotofobia com o uso de óculos escuros com lentes FL-41. Esse tipo de lente bloqueia o azul e o vermelho, diminuindo a sensibilidade à luz. Para estes casos, o uso de óculos escuros vale mesmo quando o tempo estiver nublado.

Alimentação

Alimentos como pimentão, espinafre, beterraba, cenoura e chicória que contenham betacaroteno, vitaminas B6, C, E e licopeno também são ótimos para esse tratamento.

Se você sente frequente desconforto com a luz, marque uma consulta com seu oftalmologista o qual poderá ajudá-lo na melhor forma de tratar a fotofobia.